Como usar plástico para congelar alimentos

Congelar alimentos é uma prática muito comum. Isso porque alguns tipos de comida estragam rapidamente se não forem consumidos em um curto período de tempo sob as condições normais.

Por isso, o plástico para alimentos congelados pode ajudar o seu negócio a oferecer os melhores condições de segurança, armazenamento e proteção para o seu produto. Entender a vantagem desse tipo de produto é uma ótima forma de proporcionar a facilidade e o melhor custo-benefício para o consumidor.

As propriedades do plástico para alimentos congelados

O plástico para alimentos congelados são fabricados a partir do polietileno de baixa densidade (PEBD/PELBD) ou polipropileno (PP) que são considerados materiais

  • leves;
  • flexíveis;
  • impermeáveis;
  • resistentes.

Especialistas recomendam que o plástico para alimentos congelados seja transparente, porque as toxinas usadas para a fabricação da tinta para produzir embalagens coloridas podem ser transferidas para o alimento.

Existem alguns tipos específicos de plástico para congelar alimentos que não possuem alguns componentes na sua estrutura. Uma das substâncias muito comuns no plástico é o bisfenol A, também conhecido como BPA, que é considerado nocivo para a saúde.

Por isso, é importante que produtores e consumidores estejam atentos à composição do plástico para alimentos congelados que utilizam. Materiais com BPA tem sido proibidos para a comercialização principalmente em produtos e embalagens plásticas voltadas para crianças.

Vantagens do plástico para alimentos congelados

Em primeiro lugar, o plástico é um material com um alto custo-benefício. O consumidor pode adquirir um produto congelado em plástico por um custo mais baixo e também pode comprar embalagens avulsas para congelar seus próprios alimentos gastando muito pouco.

Além disso, o plástico para alimentos congelados pode adquirir o formato do produto e ocupar menos espaço no freezer. Essa também é uma forma segura de manter alimentos congelados, já que alguns tipos de microrganismos continuam suas atividades enzimáticas mesmo em baixas temperaturas por causa da presença do oxigênio.

Nesse caso, o plástico para alimentos congelados permite o condicionamento a vácuo, retirando o ar que pode acelerar o processo de degradação do produto e mantendo as características físicas e químicas do alimento por mais tempo.


Regiões onde a Embalagem Ideal atende Plástico para alimentos congelados:


Principais regiões do Brasil onde a Embalagem Ideal atende Plástico para alimentos congelados: